Fim de imposto pode colaborar com aumento da exportação de couro

Na primeira semana de setembro, o Brasil embarcou 12,3 mil toneladas de couro. O volume diário de 2,47 mil toneladas, representa uma alta de 65% frente ao mês anterior e de 35% na comparação anual.
A alta do dólar frente ao real e o fim do imposto para a exportação do couro (wet blue) são fatores que devem colaborar com o aumento dos embarques.
Entretanto, mesmo com a maior demanda para a exportação, a cotação segue estável.
No Brasil Central, o couro verde está estável e cotado, em média, em R$1,00/kg, considerando o produto de primeira linha.
Apesar do maior volume de negócios, ainda é cedo para se falar em retomada de preços. Para o curto prazo a expectativa é de que o mercado siga estável.

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.