Faepe levanta custos da produção da cana-de-açúcar

A Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe) realiza, na próxima quarta-feira (8), o levantamento de custos de produção da cana-de-açúcar referente à safra 2016/2017. 
 
Na ocasião, produtores e técnicos, mobilizados pelo consultor técnico João Batista, ligados ao Sindicato dos Cultivadores de Cana-de-Açúcar no Estado de Pernambuco (Sindicape) e a Associação dos Fornecedores de Cana (AFCP), deverão repassar informações fidedignas sobre os sistemas de produção e a rentabilidade da atividade no Estado.
 
De acordo com o presidente da Faepe, Pio Guerra, Pernambuco é o segundo maior produtor de cana do Nordeste, com uma produção média de 13 milhões de toneladas/ano. Porém, a região produz cerca de 47 milhões de toneladas por ano, equivalente a 7% da produção nacional. Produção essa bastante inferior se comparada a Região Sudeste, que chega a produzir 470 milhões de toneladas anualmente.
“A capacitação do produtor, aliada ao acesso às informações para a administração de riscos de preços, de custos e de produção são de extrema importância para impulsionar a atividade em Pernambuco”, defende Pio Guerra.
 
Segundo o assessor técnico da Comissão Nacional de Cana-de-Açúcar, da CNA, Rogério Avelar, durante o levantamento são analisadas despesas aplicadas em insumos, tipos de tecnologia e o processo técnico adotado nas áreas produtoras do Estado. “Essas informações serão monitoradas e comparadas com as principais regiões produtoras do País”, adianta Rogério.
 
A coleta e geração desses dados são de responsabilidade da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em parceria com o CEPEA/ESALQ, o PECEGE/ESALQ e a UFLA/CIM. As informações obtidas a partir do painel, resultam no Boletim Campo Futuro, que servirá de base para orientar o produtor na gestão da propriedade e na tomada de decisões para o segmento.
 
A iniciativa integra o projeto Campo Futuro, da CNA. O objetivo é consolidar uma rede atualizada, com dados sobre os custos de produção de várias culturas. Além da cana, são contempladas no projeto as seguintes atividades: pecuária de corte e de leite, caprinos e ovinos, arroz, algodão, soja, milho, trigo, café, silvicultura, piscicultura, horticultura e fruticultura. 

Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco – FAEPE
https://faepe.com.br/

https://www.cnabrasil.org.br/

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.