Vice-presidente dos EUA diz que Google deveria parar de desenvolver o app Dragonfly


Aplicativo tornará mais fácil o monitoramento das buscas de usuários da internet, o que Mike Pence chamou de ‘reforço à censura do Partido Comunista’. Mike Pence, vice-presidente dos Estados Unidos, diz que empresários estão ‘pensando 2 vezes’ antes de entrar no mercado chinês
Toru Hanai/Reuters
O vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, criticou duramente nesta quinta-feira (4) o que classificou como roubo de tecnologia norte-americana pela China e pediu que o Google encerre imediatamente o desenvolvimento de seu aplicativo “Dragonfly”, que vai tornar mais fácil o monitoramento das buscas de usuários na internet.
Por que os EUA acusam a China de usar hackers para roubar segredos industriais; entenda
Pence disse em um discurso que líderes empresariais estão agora pensando duas vezes antes de entrar no mercado chinês “caso isso signifique entregar sua propriedade intelectual ou ser cúmplice da opressão de Pequim”.
“Mais (empresas) devem seguir o exemplo”, acrescentou. “Por exemplo, o Google deveria encerrar imediatamente o desenvolvimento do aplicativo Dragonfly, que reforçará a censura do Partido Comunista e comprometerá a privacidade dos usuários chineses”.

https://g1.globo.com/economia

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.