Google lança Pixel mais barato, mas celular ainda está longe do Brasil


Segundo empresa, aparelho custa metade do valor de um smartphone topo de linha. Valores vão de US$ 399 a US$ 479. Novas versões mais em conta do Pixel foram lançados no evento para desenvolvedores Google I/O
Jeff Chiu/AP
O Google lançou nesta terça-feira (7) uma nova versão do Pixel, o celular de fabricação própria da empresa. Não é a primeira vez que o Google lança um telefone, mas é a primeira que a empresa se volta ao mercado de aparelhos de preço médio.
Os Pixel 3a e Pixel 3a XL chegaram ao mercado americano custando US$ 399 e US$ 479, cerca da metade do preço do Pixel 3, lançado no em outubro do ano passado. Em reais, esses valores ficam entre R$ 1.500 e R$ 1.900.
Os aparelhos têm características dos modelos topo de linha: boa câmera, tela OLED — de 5,6 polegadas no tamanho menor e 6 polegadas no maior — e versões atualizadas de softwares da empresa, como o Google Assistente o Maps com realidade aumentada.
O aparelho também conta com o chip Titan M, responsável por proteger dados e informações sensíveis e bateria que o Google afirma que pode durar até 30 horas.
A comparação com os melhores e mais caros modelos se encerra no processador, um Qualcomm Snapdragon 670, inferior ao de alguns rivais, e em alguns outros fatores, como a falta de resistência à água.
“Estamos felizes com os resultados do Pixel, mas sabemos que o mercado premium desacelerou”, disse Mario Queiroz, diretor global de Pixel no Google.
Google Pixel 3a é apresentado nesta terça-feira (7) na Califórnia
Jeff Chiu/AP
Apesar dos valores mais condizentes com o mercado nacional, os aparelhos não vêm para o Brasil. Segundo Queiroz, que é brasileiro e um dos principais executivos do Google, a empresa ainda é uma “fabricante jovem”, especializada em software e sistema operacional.
“Para lançar um hardware [em um novo mercado], temos que ter certeza de que vamos ter a capacidade de oferecer toda a cadeia, como o suporte pós-venda”, disse Queiroz, que se referiu ao Brasil como um mercado importante, onde a empresa lançou outros aparelhos, como o Chromecast, que transforma televisores normais em smart TVs.
Por outro lado, o Pixel 3a será oferecido em países como Índia e Tailândia.

https://g1.globo.com/economia

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.