Concurso do IBGE oferece mais de 1,5 mil vagas no Alto Tietê para o Censo 2020


Vagas temporárias são para as funções de recenseador e agente censitário. Os interessados poderão se inscrever até o dia 24 de março. Os analistas do Censo 2020 receberão salários mensais de R$ 4.200
Licia Rubinstein/Agência IBGE Notícias
O concurso para realização do Censo Demográfico 2020, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), oferece mais de 1,5 mil vagas temporárias no Alto Tietê. As colocações são destinadas aos cargos de recenseador e agente censitário.
Os interessados poderão se inscrever até o dia 24 de março. Os profissionais selecionados trabalharão na coleta de informações do Censo 2020, entrevistando os moradores de todos os domicílios brasileiros.
De acordo com o IBGE, as vagas estão distribuídas entre recenseador e agente censitário municipal (ACM) e agente censitário supervisor (ACS). As colocações ainda são distribuídas entre ampla concorrência (AC), pessoas pretas ou pardas (PPP) e pessoas com deficiência (PCD) (confira a relação abaixo).
As inscrições devem ser feitas pela internet, onde também é possível consultar o quadro de vagas oferecidas em todo o país, além do edital. A taxa de inscrição para as funções de nível médio é de R$ 35,80 e para recenseador, de R$ 23,61.
Vagas para recenseador
Para recenseador são 1342 vagas nas 10 cidades da região. Os candidatos precisam ter apenas o ensino fundamental completo. Nesta função os trabalhadores serão remunerados por produção, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos.
Os profissionais, que ainda terão direito a férias e 13º salário proporcional, poderão simular o valor da remuneração por meio de uma ferramenta que o IBGE disponibilizará em seu site. Quanto mais entrevistas fizer, mais o recenseador vai receber.
Faça sua inscrição para recenseador clicando aqui
Confira as vagas para recenseador no Alto Tietê
Vagas para agentes censitários
Outras 173 vagas foram abertas para agente censitário, que exigem ensino médio completo. Segundo o IBGE, os melhores colocados em cada município ocuparão a vaga de agente censitário municipal, que será o responsável pela coordenação da coleta naquela cidade.
Os demais agentes censitários ficarão responsáveis por supervisionar as equipes de recenseadores. As remunerações dessas duas funções são de R$ 2.100 e R$ 1.700, respectivamente.
A previsão de duração do contrato para agentes censitários é de até 5 meses, podendo também ser prorrogado. Para as vagas de agentes, a duração do contrato será maior porque serão esses profissionais que irão treinar os recenseadores.
Faça sua inscrição para agente censitário clicando aqui
Confira as vagas para agente censitário no Alto Tietê
Provas
As provas serão realizadas em todos os municípios. O edital com a relação de todos os locais de provas será divulgado no dia 8 de maio para agentes censitários e em 18 de maio para recenseadores. As provas para ACM e ACS serão aplicadas em 17 de maio e as provas para recenseadores, em 24 do mesmo mês.
Ainda segundo o Instituto, para os candidatos a recenseador, a prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, terá 10 questões de língua portuguesa, 10 questões de matemática, 5 questões sobre ética no serviço público e 25 de conhecimentos técnicos.
Para os candidatos a agentes censitários, serão 10 questões de língua portuguesa, 10 questões de raciocínio lógico quantitativo, 5 questões de ética no serviço público, 15 questões de noções de administração/situações gerenciais e 20 questões de conhecimentos técnicos.

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.