Carlos Gomes deixa a Peugeot Citroën após 10 anos


Executivo português seguirá em projetos pessoais. Grégoire Olivier assumirá a diretoria da empresa na China. Carlos Gomes deixa a PSA após 10 anos
Divulgação/PSA
O português Carlos Gomes, atual diretor da PSA na China, deixará a empresa após 10 anos para dedicar-se a projetos pessoais. Grégoire Olivier assumirá o cargo em 1º de abril.
Carlos Gomes formou-se em Lisboa e começou sua carreira automotiva na Citroën Portugal em 1988. Em 1998, passou a fazer parte do Grupo Fiat. No grupo italiano foi diretor-executivo na França e na Espanha, além de coordenador na Europa.
Em janeiro de 2010 entrou para o Grupo PSA como vice-presidente executivo da América Latina. Em fevereiro de 2018 assumiu a direção da China e do ASEAN, região de Índia e Ásia-Pacífico.
Grégoire Olivier assume operação chinesa da PSA
Divulgação/PSA
Grégoire, que atualmente é Secretário-Geral e de Gestão da Atividade de Peças e Serviços, foi escolhido para assumir a direção chinesa pelo Conselho Administrativo da empresa. As funções anteriores do executivo continuarão sendo lideradas por ele.
Segundo comunicado da PSA, ele “desempenhará um papel fundamental na recuperação dessa região estratégica para que a empresa alcance rentabilidade, competitividade e crescimento sustentável”, apontando sua experiência na cultura local.

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.