Bovespa opera em queda, de olho em Previdência e guerra comercial

No dia anterior, o Ibovespa subiu 1,28%, aos 95.596 pontos. O principal indicador da bolsa paulista, a B3, opera em queda nesta quinta-feira (9), em meio tensões comerciais no exterior, sinalização do Banco Central sobre uma economia mais fraca e tendo a Previdência no radar.
Às 10h13, o Ibovespa caía 0,89%, aos 94.744 pontos. Veja mais cotações.
No dia anterior, o Ibovespa subiu 1,28%, aos 95.596 pontos. Entre as maiores altas, a ação preferencial da Petrobras avançou 3,87%, após a companhia anunciar na véspera lucro de R$ 4,03 bilhões no primeiro trimestre. Entre as quedas, Vale recuou 1,41%, depois de informar queda de 22% nas vendas no 1º trimestre, em meio aos cortes de produção decorrentes do impacto da tragédia de Brumadinho.
Fora do Ibovespa, a ação ordinária da Taurus subiu 17,57%, e a preferencial avançou 23,51%, após decreto do presidente Bolsonaro que facilita a venda de armas e munições no país.

https://g1.globo.com/economia

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.