Bolsas dos EUA fecham em forte alta com mais estímulos no radar e recuperação do petróleo


Dow Jones avançou 1,99%, enquanto o S&P 500 subiu 2,29%. O Nasdaq aumentou 2,81%, para 8.495,38 pontos. As bolsas dos Estados Unidos (EUA) tiveram uma forte alta nesta quarta-feira (22) com suporte da recuperação dos preços do petróleo e de um Congresso a caminho de aprovar quase US$ 500 bilhões de em auxílio adicional a pequenas empresas para enfrentamento da crise do coronavírus.
Com a volatilidade como o novo normal em Wall Street, o Dow Jones avançou 1,99%, para 23.475,82 pontos, enquanto o S&P 500 subiu 2,29%, para 2.799,31 pontos. O Nasdaq aumentou 2,81%, para 8.495,38 pontos.
Os preços do petróleo Brent e WTI subiram após um colapso nos últimos dois dias. A alta ajudou a elevar o índice de energia do S&P 500 em 3,6%. Todos os 11 segmentos do índice S&P 500 tiveram alta, depois que o Senado norte-americano aprovou, por unanimidade, um novo pacote de ajuda, acrescentando trilhões de dólares em estímulos que auxiliaram Wall Street a se recuperar de suas mínimas de março.
A Câmara dos Deputados deve aprovar o texto na quinta-feira (23).
Wall Street
Lucas Jackson/Reuters
“Os tempos de resposta (via estímulo) têm sido muito mais rápidos do que você viu em 2008. O que você está vendo é a remoção do risco de cauda que interrompe a queda das ações e permite que o mercado na verdade consiga enxergar”, disse Anik Sen, chefe global de ações na PineBridge Investments em Nova York.
Em meio ao rali desta quarta-feira, muitos investidores permaneceram cautelosos sobre as perspectivas de disseminação do coronavírus e os danos que causará à economia global.
“Não há transparência sobre quando os casos de coronavírus cairão do pico e quando teremos confiança que voltaremos à nossa economia normal. Se você está otimista, pode pensar em meados de maio, mas se você está pessimista, você pode pensar em outubro, e isso é uma grande diferença”, disse Mike Zigmont, chefe de negociação da Harvest Volatility Management em Nova York.

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.