Bolsas da Europa invertem curso e fecham em alta nesta segunda

Principais índices passaram quase todo o dia em queda, mas se recuperaram no final da sessão. Abertura mais forte nos EUA ajudou mercado europeu. As bolsas europeias fecharam em alta nesta segunda-feira (30) após ganhos de última hora, com as compras focadas principalmente em setores defensivos em meio à queda dos preços do petróleo e à ansiedade contínua por causa do coronavírus.
O índice FTSEurofirst 300 subiu 1,35%, a 1.240 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 1,28%, a 315 pontos, tendo caído cerca de 1% no início do dia.
Uma abertura mais forte em Wall Street, estimulada pelo otimismo em combater o impacto econômico do surto, também deu apoio ao final da sessão europeia.
Ainda assim, o índice de referência está muito longe de um pico atingido no final de fevereiro e provavelmente registrará seu segundo pior trimestre de todos os tempos devido à venda de pânico provocada pelo coronavírus.
O setor de saúde deu o maior impulso para o STOXX 600, fechando em alta de cerca de 3% com o medo do coronavírus fazendo os investidores negociarem com cautela. Serviços públicos e telecomunicações também subiam no dia.
Os setor de energia pareceu ignorar uma queda nos preços do petróleo, avançando cerca de 3%.
Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,97%, a 5.563 pontos.
Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,90%, a 98.815 pontos.
Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,62%, a 4.378 pontos.
Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,30%, a 16.872 pontos.
Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 1,74%, a 6.659 pontos.
Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 1,02%, a 3.983 pontos.

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.