Bolsas da China fecham em alta e têm 1º ganho semanal em 4 semanas

Expectativa é que medidas do governo para conter o coronavírus e limitar seu impacto econômico possam continuar ajudando as ações. Os índices acionários da China fecharam em alta nesta sexta-feira (14), marcando o primeiro ganho semanal em quatro semanas, por expectativas de que as medidas do governo para conter o coronavírus e limitar seu impacto econômico possam continuar ajudando as ações.
O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subiu 0,7%, avançando 2,3% sobre a semana anterior. O índice de Xangai teve alta 0,38%, com ganho de 1,4% na semana.
O subíndice do setor financeiro ganhou 1,3%, o de consumo subiu 0,7%, o imobiliário saltou 3,1% e o de saúde avançou 0,2%.
A epidemia de coronavírus na China não mostrou sinais de ter alcançado o pico, com autoridades de saúde informando nesta sexta-feira mais de 5 mil novos casos.
China reduz para 1.380 o número de mortos por coronavírus após rever dados
China anuncia mais de cinco mil casos novos casos do novo coronavírus, o Covid-19
A corretora Shanxi Securities afirmou em nota que o afrouxamento da política monetária continuará a ajudar as ações, mesmo que as interrupções de produção afetem os lucros corporativos.
Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,59%, a 23.687 pontos.
Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,31%, a 27.815 pontos.
Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,38%, a 2.917 pontos.
O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,70%, a 3.987 pontos.
Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,48%, a 2.243 pontos.
Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,20%, a 11.815 pontos.
Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES ficou estável, a 3.220 pontos.
Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,38%, a 7.130 pontos.

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.