Ações da Vale nos EUA recuam mais de 7% após acidente em Brumadinho


Bovespa não opera nesta sexta por causa do feriado na cidade de SP. Até quinta, papéis acumulavam alta de 10%. As ações da Vale tinham forte queda na bolsa de Nova York nesta sexta-feira (25), após o rompimento da barragem em Brumadinho, Minas Gerais. Por volta das 15h26 (horário de Brasília), os papéis da companhia recuavam 7,47%, cotados a US$ 13,75
Na mínima da sessão até o momento, o papel da Vale caiu a US$ 12,85. Na máxima, antes do acidente, chegou a US$ 15,45.
Sede da Vale, no Rio de Janeiro
Reuters
A Bovespa não opera nesta sexta-feira por causa do feriado na cidade de São Paulo. Neste ano, as ações da Vale no Brasil acumulavam alta de 10,1% até quinta-feira.
A Vale tem um peso importante – cerca de 11,39% – na composição do Ibovespa, principal indicador da bolsa brasileira, e um impacto no mercado brasileiro só será observado na segunda-feira. “Muito provavelmente veremos aumento de volatilidade que está bastante baixa nos últimos dias”, afirmou o economista-chefe da corretora Necton, André Pefeito.
“A questão fica agora na mão do governo que terá que lidar rapidamente com essa situação, uma vez que tem se posicionado contra o fortalecimento do Ministério do Meio Ambiente”, disse Perfeito. “Isso é particularmente sensível para investidores estrangeiros.”
O desempenho dos papéis da Vale nesta sexta também vai na contramão do mercado acionário norte-americano. As bolsas dos EUA operam em alta, impulsionadas pelos bons resultados corporativos.
O índice Dow Jones subia 0,99%, para 24.795 pontos, o S&P 500 tinha alta de 1,05%, para 2.670 pontos, e o Nasdaq avançava 1,35%, para 7.169 pontos.

https://g1.globo.com/economia

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.