Consumo de carne bovina é o menor em 14 anos

O primeiro trimestre deu uma mostra das dificuldades que os frigoríficos brasileiros devem enfrentar ao longo do ano. No menor nível desde 2001, o consumo per capita de carne bovina no Brasil continua a se deteriorar, tornando a válvula de escape das exportações ainda mais importantes. Neste momento, apenas os frigoríficos exportadores têm algum motivo a comemorar. “Só se salva quem exporta”, afirma o analista da consultoria MB Agro, César Castro Alves, em alusão às dificuldades enfrentadas pelos frigoríficos de carne bovina. De acordo com cálculos feitos pela consultoria a partir de dados do IBGE e da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), cada brasileiro consumiu, em média, 30,6 quilos de carne bovina em 2015, retração de 8,4% na comparação com o ano anterior. Resultado da combinação entre a menor oferta de boi – que fez os preços da carne dispararem – e da crise econômica, a abrupta queda levou o consumo per capita ao menor patamar em 14 anos (ver gráfico), voltando aos níveis vistos no fim do século XX.  Em contrapartida, as concorrentes carnes de frango e suína ocuparam o espaço da proteína bovina, atingindo o maior consumo per capita desde 1997 – 44,4 quilos e 14,8 quilos, respectivamente, de acordo com a MBAgro.

Fonte: Valor Econômico

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.