Mercado de ETF de criptomoeda avança com aval da CVM

Antes mesmo de serem aprovados no mercado americano, fundos de índices com esse perfil receberam sinal verde para listagem no Brasil Antes mesmo de serem aprovados no mercado americano, os fundos de índices (ETFs) atrelados a criptomoedas receberam o aval da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para listagem no Brasil. O primeiro foi o da Hashdex (HASH11), que começou a ser negociado em abril e atualmente tem patrimônio superior a R$ 1 bilhão. Agora, a QR Asset Management, do grupo QR Capital, lançou um fundo de índice com 100% de exposição ao bitcoin, o QBTC11. O ETF usa o índice CME CF Bitcoin Reference Rate, referência dos contratos futuros de bitcoin negociados pela bolsa de futuros de Chicago, do CME Group, e começa a ser negociado hoje. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro.

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.