Governo tenta acordo para Senado aprovar Código Eleitoral em tempo de valer em 2022


Para isso, a proposta precisa ser sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro até 3 de outubro Os líderes do governo articulam um acordo para tentar votar no Senado o projeto do Código Eleitoral. O movimento tem o objetivo de garantir que a matéria seja analisada em tempo de as regras valerem nas eleições de 2022. Para isso, a proposta precisa ser sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro até 3 de outubro. Apesar disso, governistas admitem, em caráter reservado, que o projeto deve ser alterado pelo senadores, o que obrigaria seu retorno para a Câmara dos Deputados.
Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro.

Deixe um comentário

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.